Guilherme Carvalho Filho – Assessor de Comunicação

Atendendo a recomendação da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), o prefeito Marlan Ferreira ampliou as medidas no combate à Covid-19 em Limoeiro de Anadia, por meio do decreto nº 06/21. O texto foi assinado nessa quinta-feira (4).

De acordo com o art. 1º da publicação, ficam proibidas as seguintes atividades: realização de festas e eventos que gerem aglomeração, independente da natureza, promovida por iniciativa pública ou privada, tanto em lugares fechados como abertos; comércio ambulante de bebidas alcoólicas, em banca/estrutura provisória; uso/funcionamento de equipamentos de som automotivos, popularmente conhecidos como paredões de som, e equipamentos sonoros portáteis, nas vias, praças, e demais logradouros públicos e o consumo de bebida alcoólica em espaços públicos, como praças, calçadões, calçadas, vias, e relacionados.

Ainda segundo o decreto, bares e restaurantes devem funcionar com até 50% de sua capacidade, até às 23h. Templos, igrejas e demais instituições religiosas devem funcionar com 60% do público. Academias, campos esportivos e centros de ginástica devem ter no máximo 50% de sua ocupação. Os estabelecimentos comerciais são obrigados a disponibilizar álcool 70º para o uso dos clientes, sob pena de multa.

O prefeito Marlan Ferreira alerta que é obrigatório o uso de máscaras em todos os espaços públicos.

As pessoas físicas que descumprirem o decreto estão sujeitas a multa de até R$ 3 mil. Já as jurídicas o valor pode chegar a R$ 30 mil, bem como a interdição imediata por 15 dias do estabelecimento e apreensão de equipamentos.